• Agência X10

O EXERCÍCIO CERTO PARA CADA IDADE



O cansaço físico e mental e o estresse não escolhem idade para surgir. Um dos métodos mais eficazes para combater esses males é a prática de alguma atividade física. Veja quais são os esportes que são indicados para cada fase da vida


Aos 20 anos 


É uma época de muita socialização. Por isso, os esportes em grupo como vôlei, basquete e futebol são indicados. Nessa idade o corpo está mais preparado para lidar com impactos, como o provocado por um salto. Mas mesmo assim o organismo não está livre de lesões. O início deve ser lento e a frequência é importante: deve ser de três vezes por semana, ou intercalar com outro tipo de atividade como natação e corrida.

Aos 30 anos  


Por volta dos 35 anos, a força muscular começa a decair. É importante acrescentar musculação para garantir o ganho e a manutenção da massa muscular. O treino pode ser dividido em duas vezes por semana: esportes aeróbicos (natação ou corrida); e duas vezes de pesos ou resistência.  Ou parcelar o treino diário em 30 minutos de aeróbico e 30 minutos de resistência. A frequência é de três vezes por semana.


Aos 40 anos


Mulheres na menopausa correm um risco de osteoporose, e exercícios ajudam a fixar cálcio nos ossos são indicados: caminhadas fortes, corridas ou dança. O importante é garantir pelo menos duas horas de prática aeróbica por semana para, entre outras coisas, evitar o ganho de peso comum da idade. Ioga ajuda na flexibilidade.


Acima dos 50 anos


A força muscular diminui, o que deixa o corpo mais vulnerável a lesões. Recomenda-se exercícios de menor impacto como a caminhada, hidroginástica e a ioga.  A musculação para a terceira idade deve ser feita com o acompanhamento de um profissional para não ocorrer a sobrecarga das atividades realizadas nos aparelhos. Essa prática melhora o desempenho nas tarefas diárias e aumenta a disposição. 


Alongamento para todas as idades 


O médico do esporte do Hospital 9 de Julho (SP) Páblius Braga, explica a importância do alongamento em todas as idades. “O nosso corpo tem um número muito grande de músculos, ossos e articulações que são usados durante toda a vida. A falta de atividade faz os músculos diminuírem seu tamanho e sua eficiência em se contrair de forma satisfatória.


Deixar o músculo em seu tamanho normal significa ter movimentos mais eficientes e menos sujeitos às lesões como tendinites, rupturas e contraturas. Estas qualidades serão conseguidas se houver uma prática habitual de exercícios de alongamento. Essa prática deve ser feita em todos os momentos do dia. Ao acordar, no trabalho, no lazer e descansando em casa. Alongar-se antes da prática de exercícios físicos serve, principalmente, como um aquecimento dos músculos para melhorar a eficiência de seu exercício. Ao terminar o programa habitual de exercícios físicos deve-se apenas movimentar-se levemente para efeitos de relaxamento muscular de maneira mais rápida.”




Fonte: Viva Saúde